Buscou ajuda de Deus e recebeu: Famoso guitarrista foI liberto da depressão

O famoso guitarrista Carlos Santana testemunhou libertação da depressão e pensamentos suicidas.


Em um certo momento de sua carreira, Santana teve uma profunda depressão que aderiu os pensamentos suicidas constantes.

De acordo com informações do portal Gospel Mais, uma memória em particular serviu como combustível para que a depressão se consolidasse: os abusos sexuais sofrido aos 10 anos de idade, cometidos pelo pai de um amigo, que o ameaçava.

"Eu ouvia mil vozes gritando comigo, me acusando: 'Você é o mais baixo, você não é digno de nada ou de qualquer pessoa ao redor de você'. Mas, então, eu me voltava para Jesus e clamava: 'Ajude-me'. Então, muito claramente, interiormente, eu ouvi essa voz mais suave e mais alta que todas as outras. Ele me disse: 'Estou sentado ao seu lado. Isso não é suficiente?'. Uma vez que ouvi essa voz, tudo mudou e eu pude encontrar a alegria novamente", afirmou o guitarrista em entrevista à revista Rolling Stone.

Santana até mesmo destacou o Deus que mudou sua vida por completo: "Meu Deus é um Deus de bondade e compaixão, mas nós, como pessoas, temos livre arbítrio, inclusive o homem que me molestou".

"Eu pude remover a minha raiva, perdoando aquele homem. O perdão, cara… o perdão é incrivelmente libertador. E eu estou aqui para lhe dizer, com todo meu coração e espírito, que isso pode ser feito. Você pode ser liberto", testemunhou.

"Você tem que atravessar a noite mais escura da alma para chegar à luz mais brilhante do dia", destacou em entrevista para a revista Plain Truth.

"Deus ainda não terminou a obra em mim", finalizou.

Aos 69 anos, o guitarrista mexicano Carlos Santana pode ser considerado mais uma vida entregue nas mãos de Deus.

O guitarrista, que contém um grande sucesso internacional, diz ter a intenção de ser um evangelista, mas que ainda espera a vontade de Deus em sua vida atualmente.