‘Cristãos são atacados em Hollywood’, diz Kevin Sorbo, ator que interpretou o Hércules da TV

O Ator que fez o antagonista no Filme "Deus Não Está Morto" fala sobre o preconceito e o ataque em Hollywood

Kevin Sorbo

O ator Kevin Sorbo é lembrado no Brasil por ter interpretado Hércules em uma série de TV. Mas nos EUA, ele também é lembrado pela mídia por seu lado cristão.

E ao abordar sobre sua em entrevista recente Sorbo deu declarações polêmicas, ao descrever como que concilia o cristianismo com a fama.
Segundo o ator, em um papo aberto com o site CNSNews, no mundo dos famosos em Hollywood você pode sofrer de um certo preconceito.
“Eu acho que ser um conservador em Hollywood ou ser um cristão em Hollywood, você é atacado”, destacou durante a conversa.

O ator explica que colocar seu posicionamento sobre a vida é complicado, quando a imprensa prefere abafar determinados assuntos para priorizar outros não tão relevantes.

“É tão estranho pra mim que a mídia se senta para proteger as coisas que protegem, ou ignorar as coisas que ignoram, e vão atrás de histórias como aquecimento global [por exemplo], tratando como mais importante do que está acontecendo no mundo agora com estes terroristas”, avaliou.

Sorbo acrescenta que o polo de filmes de Hollywood perde a oportunidade de investir em filmes cristãos, por existir um grande público interessado, e fica preocupado apenas com o show business.
“Se nós entregarmos uma mensagem elevada e clara o suficiente, e se as pessoas começarem a apoiar filmes como estes [cristãos], que têm uma boa mensagem, que toda a família pode assistir, pois não são bregas, que não são de quinta categoria, que tem uma boa história, atuação, roteiro, produção e fotografia, então esses filmes merecem apoio”, destaca.

O ator recentemente participou de duas produções cristãs de repercussão na mídia: Deus Não Está Morto e Let the Lion Roar (Deixe o Leão Rugir, em tradução livre), onde retrata o lendário pregador protestante João Calvino.