Eleitos por Deus

Ml 1:2 Você acredita em destino? Alguns sim, outros não. “Isto aconteceu por acaso!”, dizem os incrédulos no destino. Mas dentre aqueles que acreditam em destino há uma diferença. Algumas pessoas não creem em Deus, mas acreditam em destino: “Ah, isto é coisa do destino”, “Fui predestinado a estar aqui”. Mas aí, eu pergunto: eles foram predestinados por quem? Para estes, o destino é uma espécie de deus. Agora, nós, cristãos, cremos em destino, entretanto, nosso destino é traçado por um Deus de amor.

E dentre as doutrinas do destino está a predestinação, que diz: “Deus escolheu de antemão quem vai ser salvo e quem vai ser condenado”. Ao ouvir isto, alguns dizem: “Isso é imoral, injusto maquiavélico”. Entretanto, Malaquias diz que a eleição é a prova do amor de Deus por nós, pois quando Israel pergunta a prova do amor de Deus pela nação, o Senhor responde falando sobre a predestinação.

Dizer que a predestinação não é bíblica é um tremendo absurdo, pois a palavra predestinação aparece na bíblia varias vezes (Ef 1:11, Ef 1:4, Ef 1:5). E para não deixar dúvida, a palavra em grego para predestinação é “Proorizo” e significa “decidir de antemão”,

Ao mostrar todas estas passagens bíblicas, os críticos acabam se rendendo ao fato de que Deus já escreveu a história antes da criação do mundo, entretanto, eles dizem: “tudo bem, Deus escolheu de antemão, mas escolheu quem ele sabia que seria bom. Escolheu aqueles que Ele sabia que o buscaria e creriam”. Não, definitivamente não é esta a doutrina da predestinação ensinada pela bíblia e pela história da igreja.

1-A eleição prova o amor de Deus por Ele nos escolher sendo nós pecadores.

v.2 Escolhi Jacó: “trapaceiro desde o ventre”. Rm 5:8 diz que Deus nos salvou enquanto nós ainda éramos pecadores. Rm 3:10-11 diz que ninguém buscou a Deus. Rm 5:10 diz que além de não escolher a favor de Deus, escolhemos contra, porque éramos inimigos de Deus.

Portanto, Deus não podia nos escolher com base em nossa bondade por que todos se tornaram pecadores. E nem podia nos escolher de antemão aqueles que ele sabia que o escolheriam por que ninguém escolheu a Deus. Pelo contrario, Jo 15:16 diz que Deus é quem nos escolheu e Ef 2:8 diz que até o ato de fé nos foi dado.

Sendo assim, a eleição prova o amor de Deus por nós porque mesmo sendo pecadores, que não queriam a Deus, Deus nos quis.

Deus é injusto por eleger?

Esta é a pergunta retórica de Paulo em Rm 9:14. Pense o seguinte: Numa cadeia estão todos os tipos de bandidos, criminosos da pior espécie. Você, como um juiz, seria declarado maldoso por cumprir a lei e mandar todos para a cadeira elétrica? Agora, imagine que você decida escolher um destes bandidos para salvá-lo ao preço de morrer no lugar dele. Ficaríamos questionando: “Por que ele salvou apenas um?” Pelo contrário, se temos a noção de que eles são pecadores e de que o juiz morreu no lugar daquele que ele salvou, perguntaríamos: “Por que ele salvou um?”.

Deus está tirando meu livre arbítrio?

“Mas me escolhendo, mesmo sem o meu consentimento, Deus está tirando o meu livre arbítrio e Ele não faz isto”. Onde você leu isto? Deve ter sido em pára-choque de caminhão, mas não na bíblia, pois Jonas não queria ir para a Nínive, mas foi obrigado por Deus a ir mesmo assim.

Pense o seguinte: Um bombeiro que salva um rapaz que estava tentando cometer suicídio é considerado um vilão ou um herói? Sendo assim, eu pergunto: Deus é mal por salvar pessoas que estão se matando em direção ao inferno?

2-A eleição prova o amor de Deus nos dando propósito

A eleição mostra que há um propósito em tudo. O Sl 139:16 diz que nossos dias foram escritos antes de nós nascermos. Graças a Deus minha história tem um roteiro, eu não vim do nada como os evolucionistas. Pois veja, se eu vim como obra do acaso, tudo que acontece na minha vida também é fruto do acaso, nada tem um propósito. Se eu sofro, eu apenas sofri, não há um propósito maior nisso.

3-A eleição prova o amor de Deus através de seu cuidado por nós

Como você explica o fato de Israel, uma das civilizações mais antigas da história e ao mesmo tempo uma das menores nações do mundo estar de pé até hoje? Nações muito maiores sumiram do mapa, enquanto que Israel, que vive em guerra, sobrevive. Por quê? Só há uma resposta, a eleição de Deus. Como o Senhor escolheu, Ele cuida.

Várias vezes na história planejaram a destruição total de Israel, mas sempre, providencialmente, no ultimo minuto do segundo tempo alguma coisa milagrosa surgia e o povo de Israel era salvo.

E por que você acha que está vivo até hoje? Sorte? Não, isto aconteceu por que Deus guardou você até aqui e continuará te guardando até o fim.
DEIXE SEU COMENTÁRIO ()