Pastor Cláudio Duarte participa do programa Agora é Tarde

Pastor Cláudio Duarte participa do Agora é Tarde e fala novamente sobre sexo: ‘o errado virou certo’

Depois de sua participação no programa do Ratinho, o pastor Cláudio Duarte, conhecido por suas pregações com um senso de humor, fez sua aparição no programa ‘bem humorado’ Agora é Tarde, com Danilo Gentili. A entrevista foi ao ar nesta terça-feira.


Cláudio Duarte, da igreja Batista Monte Horebe, em Campo Grande no Rio de Janeiro, começou a usar o humor ao longo de suas pregações ao trabalhar com jovens. Apesar do humor, ele revelou que teve uma infância muito dolorosa.

Apesar de sua forma constraída, ele passa a mensagem séria aos jovens de que o sexo é depois do casamento. Ele é autor do livro “Sexualidade sem Censura”, onde ele orienta os cristãos sobre os assuntos polêmicos de forma descontraída e bíblica.

Cláudio respondeu as mais diversas perguntas sobre sexo por Danilo, que enfatizou a fornicação. O líder batista descartou qualquer tipo de fornicação e sexo antes do casamento, ressaltando que o que está em jogo é a mente da pessoa.

Ele ainda ajudou Danilo a listar o que é pecado ou não antes e depois do casamento.

“O ministério da saúde adverte que sexo seguro é com preservativo. A Bíblia adverte que sexo seguro é depois do casamento e com uma pessoa só.”

Apesar de parecer ir contra a maré, Cláudio pontuou que os valores na sociedade é que se inverteram, com os jovens sendo mudados pelo ambiente para serem aceitos.

“Hoje, onde as pessoas observam mais o prazer pessoal, do que a palavra de Deus, as coisas ficaram misturadas. Hoje em dia, vai acabar havendo um poste fazendo xixi num cachorro e todo mundo achando perfeitamente natural, porque os valores se inverteram, e o errado virou certo.”

O pastor disse que pede que os jovens definam: “Se você é o ambiente ou se você é o camaleão. Se o ambiente faz você ou se você faz o ambiente.”

“Hoje o ambiente tem feito a juventude”, afirmou ele.

Perguntado se fazer sexo só depois do casamento não seria um risco para o casal não dar certo depois, o religioso explica que o “grande vilão”não é o sexo, mas é a incompatibilidade de gênio. Depois disso vem o dinheiro e depois o sexo.

O pastor Cláudio se converteu em 1992, depois que teve um encontro com Deus, durante um momento difícil em sua vida.

Assista aqui a entrevista: