Muçulmano escreve livro sobre Jesus e é hostilizado na TV

O historiador Reza Aslan foi convidado para participar de um programa da Fox News e comentar sobre o seu livro “Zealot: The Life and Time...

Reza Aslan
O historiador Reza Aslan foi convidado para participar de um programa da Fox News e comentar sobre o seu livro “Zealot: The Life and Times of Jesus of Nazareth” (Zelote: a vida e a época de Jesus de Nazaré) que está sendo lançado pela editora Random House nos Estados Unidos.

A âncora do programa, Laura Green, fez algumas perguntas que constrangeram o entrevistado, pois ele é muçulmano e ela não entendeu qual direito ele teria de falar sobre Jesus Cristo.

Ao tentar responder as perguntas, Aslan comentou que é estudioso de religiões e que tem diplomas de grandes universidades como Santa Clara, Harvard e a Universidade de Iowa. Outra resposta que o historiador deu à jornalista foi que ele escreveu o livro como pesquisador e não como muçulmano.

A reportagem se tornou viral na internet e foi considerada como a “entrevista mais constrangedora já feita”, porém a repercussão do caso acabou rendendo sucesso ao livro recém lançado que agora está entre os mais vendidos da Amazon.

Nascido no Irã, Reza Aslan cresceu nos Estados Unidos onde se formou e hoje trabalha como professor de escrita criativa e ainda realiza trabalhos acadêmicos relacionados à religião, um de seus estudos resultou no livro que desde a entrevista, que aconteceu na última sexta-feira (26), teve aumento de 35% da quantidade de vendas.

“É o tipo de publicidade que ninguém pode comprar”, disse o escritor para o The New York Times comentando do efeito positivo que a entrevista acabou gerando. A editora até encomendou mais 50 mil cópias para dar conta do aumento dos pedidos.
Fonte: Gospel Prime.

Assista (em inglês):