Mara Maravilha defende Feliciano na TV e é mal interpretada ao falar sobre homossexuais

Mara Maravilha deu declarações polêmicas no programa " Morning Show ", na Rede TV!, A apresentadora defendeu o deputado e pasto...

Mara Maravilha deu declarações polêmicas no programa "Morning Show", na Rede TV!, A apresentadora defendeu o deputado e pastor Marco Feliciano.

Ela falou do respeito ao Homossexualismo, e fala também que ser gay não é uma doença e sim uma escolha e diz também que existem varias tipos de curas como a ''Cura Espiritual''...

"...Tem muitos pais, tem muitas mães, que não concordam com essa *aberração. Eu não acho bonito nem um homem e uma mulher, em público, ficarem se atracando. Tem coisa que é particular. Imagina duas mulheres ou dois homens, não acho bonito. Mas se acontece de eu presenciar uma cena dessas, eu não vou fazer baixaria. Eu simplesmente me retiro. Defendo a democracia, a liberdade de expressão...", declarou.

* A Palavra aberração, dita por Mara foi a respeito do beijo gay em público. ( A Mídia usou as suas afirmações de uma forma generalizada como os sites: F5 da Uol e a Ego da Globo.


A cantora usou o Facebook nesta segunda-feira para explicar seu posicionamento.

"Estou sendo mal interpretada! Nunca disse que gay é aberração! Não levanto nenhuma bandeira política oportunista! Em todas essas calúnias contra mim, o que vai prevalecer é a minha conduta de respeito e amor ao próximo, sem fazer acepção de pessoas. Bullying é aberração! Não vou me intimidar, continuo contando com o bom senso e a inteligência de todos independente de suas escolhas sexuais, religiosas e políticas. No demais, vai tudo bem, e não pretendo comentar mais sobre o assunto. Porque o justo não se justifica!", escreveu.

Assista o programa na íntegra: 


de Israel Almeida para o Ligado no Gospel
ligadonogospel@live.com