Marcos Feliciano te representa ou não te representa?

Já virou mais que rotina, todo dia chegar na frente do computador ou da TV e até mesmo do rádio e é a mesma história, outra polêmica env...

Já virou mais que rotina, todo dia chegar na frente do computador ou da TV e até mesmo do rádio e é a mesma história, outra polêmica envolvendo o pastor Marco Feliciano, se não é ele soltando suas ''pérolas''(em pregações antigas, no início de seu ministério), é algum grupo de desocupados roubando a cena e tendo seus momentos de fama atacando o pastor.

Mas afinal, o que você acha de tudo isso? Você acha não tem nada ver com essa história e assiste de camarote o desenrolar dessa novela que parece ganhar ares de que já está chegando ao fim e de repente a trama muda de direção e começa tudo de novo. Por isso eu te faço essa pergunta: Afinal Marcos Feliciano te representa ou não te representa?

No meio dessa  polêmica toda vemos três tipos de opiniões:
Os que são a favor da homossexualidade; incluindo não só os homossexuais mas também héteros.
2° Os evangélicos e católicos tradicionais que não são a  favor do homossexualismo;
3° Os evangélicos e católicos tradicionais que  não são a favor do homossexualismo mas também não são a favor do pastor. (estes aí não concordam nem com um e nem com o outro, é meio que "café com leite").

Em uma rede social, vi que uma pagina que diz que Feliciano não representa tinha quase 7.000 pessoas(obvio, levando-se em conta que a mídia toda fala abobrinhas quanto a ele), outra dizendo que ele representa mostrava um pouco mais de 1.700 seguidores. Analisando bem as duas páginas, da pra perceber que quem "curtiu" a página que diz que o deputado e pastor, os representa usa o argumento "sou a favor da família"  enquanto os que dizem que ele não os representa usa o discurso: '' é racista e homofóbico.''

Bom, no meu ver ele foi muito infeliz em dizer algumas coisa;(ou mal interpretado quem sabe). Algumas de suas declarações nos levam a pensar que ele realmente é racista e homofóbico; Mas a pergunta que devemos nos fazer é: Será que ele não soube usar bem as palavras nas declarações ou ele realmente queria dizer isto e expor sua opinião? E olha que expor a opinião é uma coisa e preconceito é outra coisa.(Botem isso na cabeça, pessoal). 

Tenho muitos colegas e conhecidos que são homossexuais e converso com alguns quase todo dia; se me perguntarem eu sou bem direto; "sou contra e acho a atitude errada" mas nem por isso eu sou um ''preconceituoso'', acho que o preconceito está no fato de você nem querer  chegar perto de um amigo mais, digamos: alegrinho. Atravessar a rua quando ver um homossexual vindo em sua direção, ou pior, ir pra cima e partir pra agressão, isto sim é homofobia! Falar "fulano você age errado e não foi isso que Deus preparou e quer de você" não é uma frase preconceituosa.



Opinião do colunista: Se Marcos Feliciano é tudo isso aí que a grande mídia fala dele eu não sei. Só sei que ele não deveria sair falando suas "perolas" por aí (ser mais cuidadoso com as palavras), pelo contrário só vai ser mal falado, não tem erro; enquanto isso, assim como você eu assisto de camarote, continuo sendo evangélico e quando não está falando besteiras e tomando atitudes erradas até posso falar que Marcos Feliciano me representa mas como todo dia ele nos brinda com suas ideias inadequadas aí fica complicado né? Melhor ficar como a turma do café com leite. 

Mateus Caetano para o Ligado no Gospel
Esse é um texto independente, todo conteúdo é de responsabilidade do idealizador.