Filho de Rick Warren se suicida depois de batalha contra doença mental

O filho de 27 anos de idade, o pastor Rick Warren tirou sua própria vida depois de uma luta ao longo da vida contra uma doença mental. O lí...

O filho de 27 anos de idade, o pastor Rick Warren tirou sua própria vida depois de uma luta ao longo da vida contra uma doença mental. O líder cristão internacionalmente conhecido na Igreja de Saddleback em Lake Forest, Califórnia, fez o anúncio sobre seu filho na manhã de sábado, em um email enviado para sua equipe.


"Não há palavras para expressar a dor angustiante que sinto agora. Nosso filho mais novo, Matthew, 27 anos, e um membro vitalício da Saddleback, morreu hoje", escreveu Warren.

"Ao longo dos últimos 33 anos que estivemos juntos por todo tipo de crise. Kay e eu temos tido o privilégio de segurar suas mãos enquanto você enfrentava uma crise ou perda, ficamos com você nas sentinelas, e orei por você quando estava doente. Hoje, precisamos da sua oração por nós", começou o e-mail à sua equipe.

Warren descreveu Matthew como "um homem incrivelmente bondoso, gentil e compassivo", como aqueles que cresceram com ele também diria.

"Ele tinha um intelecto brilhante e um dom para a detectar quem era que sentia mais dor ou estava mais desconfortável em um quarto. Ele então ‘cruzava a linha do meridiano’ para que as pessoas participassem e o incentivassem", continuou ele. "Mas só os mais próximos sabiam que ele lutava desde o nascimento com a doença mental, os buracos negros de depressão, e até mesmo pensamentos suicidas. Apesar dos melhores médicos da América, medicamentos, conselheiros e orações para a cura, nunca a tortura de doença mental diminuiu. Hoje, depois de uma noite divertida junto comigo e Kay, em uma onda de desespero momentâneo em sua casa, ele tirou sua vida."

Warren disse que ele e sua esposa, muitas vezes se maravilhavam com a coragem de Matthew "de se manter em movimento, apesar da dor implacável."


"Eu nunca vou esquecer como, muitos anos atrás, depois de uma outra abordagem não tinha conseguido dar alívio, Matthew disse: 'Pai, eu sei que estou indo para o céu. Porque eu não posso simplesmente morrer e acabar com esta dor?’ mas ele continuou por mais uma década", escreveu ele.

O evangelista Greg Laurie, cujo filho, Christopher, foi morto em um acidente de carro com a idade de 33 quase cinco anos atrás, ao ouvir a notícia, postou em seu blog: "Eu também tive um filho que morreu, então eu posso sentir a dor que Rick e Kay estão enfrentando. Mas as circunstâncias são diferentes e meu coração vai para eles. Em momentos como estes, realmente não há palavras, mas há Palavra. Não há nenhum manual, mas há Emmanuel. Deus é conosco. Sei que o Senhor vai estar lá para toda a família de Warren e a Igreja Saddleback enquanto entristecem juntos. Ansioso para o dia em que Deus vai ‘Restaurar todas as coisas.’ (Atos 3:21)".

Em uma declaração de Saddleback, a Igreja pede que "todos se juntem a nós em oração para a família inteira de Warren que o conforto e a paz de Deus estejam com eles, enquanto eles lidam com esta situação difícil."

Pastor Warren, de 59 anos, autor de Uma Vida com Propósitos, que é o livro de não-ficção mais vendido de capa dura da história e o segundo livro mais traduzido no mundo, depois da Bíblia, tem outros dois filhos adultos, Amy e Josh, e cinco netos.

Via Cristian Post / Ligado no Gospel ~ Informação de Qualidade