Feliciano participa do 31º Congresso dos Gideões

O Pastor e Deputado criticou a mídia: ''Se eu fosse um monstro não haveria uma multidão me assistindo.'' Feliciano Congre...

O Pastor e Deputado criticou a mídia: ''Se eu fosse um monstro não haveria uma multidão me assistindo.''



Uma verdadeira multidão de evangélicos de diversos estados do Brasil, alguns até de outros países, se reúnem todos os anos na cidade de Camboriú - SC, para acompanhar as reuniões do maior congresso de missões do Brasil, o Congresso Internacional de Missões dos Gideões Missionários da Última Hora.
Marco Feliciano, pastor e deputado federal pelo Partido Social Cristão, é sempre um dos conferencistas mais aguardados no evento, que prega desde 2001. Neste domingo (28) não foi diferente. Em meio a polêmicas desde que assumiu a presidência da CDHM, o parlamentar tornou-se o nome mais comentado nas mídias de todo Brasil.

Feliciano começou sua pregação às 21 horas e foi, como o site Gospel Prime anunciou em sua matéria, ''aclamado pela multidão em Camboriú''. 
O pastor procurou não falar sobre a CDHM, apenas agradeceu o apoio dos principais líderes evangélicos,tais como: Abner Ferreira, Silas Malafaia, Samuel Ferreira, entre outros pastores e bispos.
O deputado aproveitou para fazer criticas a mídia secular. Lembrou o título da revista Istoé “O homem que afrontou o Brasil. Por que ele não cai?”, e respondeu: “Não caiu por causa das orações dos crentes”, disse antes de destacar: “Nunca houve tanta oração por uma única pessoa”.
“Pinçaram palavras polêmicas desenhando uma figura de um monstro. Se eu fosse um monstro não teríamos esta multidão me assistindo. Minhas pregações não despertam o ódio, despertam a convicção de seus pecados”, prosseguiu.
Feliciano incentivou os evangélicos a boicotarem as emissoras de televisão que tem se manifestado contra os evangélicos: “Não assistam mais suas novelas”.

Confira o Vídeo parcial da participação de Feliciano no Congresso.


Com informações de Gospel Prime, Imagens de Uol, Heverton de Oliveira para o Ligado no Gospel.