Igreja Universal diz que vai processar Forbes após nova lista

Igreja Univesal processar Forbes A revista Forbes está de marcação com os pastores evangélicos do Brasil, especialmente com o líder da I...


A revista Forbes está de marcação com os pastores evangélicos do Brasil, especialmente com o líder da Igreja Universal, Edir Macedo. Ele teve o nome citado, primeiramente como um dos religiosos mais ricos do Brasil, e recentemente o polêmico bispo neo-pentecostal, foi citado novamente pelo impresso, dessa vez fazendo parte do seleto grupo de bilionários do Brasil. 
Silas MalafaiaAlém de Macedo, Silas Malafaia também havia sido citado na primeira lista. Após isto, o pastor da AVEC, prometeu processar a revista, por outro lado, o antagônico pastor respondeu a revista com ironia. Porém, desta vez, a Igreja Universal decidiu também processar a revista. A igreja que vai construir a réplica do Templo de Salomão, está questionando o fato do bispo aparecer na posição de numero 1.268 entre os mais ricos do mundo, consequentemente 41º entre os brasileiros, com uma fortuna estimada em 2,2 bilhões de Reais. Em nota a igreja afirmou que estão sendo tomadas as medidas judiciais cabíveis contra a Forbes. 
São “[Mentiras] repetidas por aqueles que fazem do preconceito contra a fé o motor de sua cobiça sem fim pelo poder, sempre tentando manipular a opinião pública.”, afirma a igreja.

De acordo com a reportagem, a Forbes afirma que “Não está claro onde ele [Macedo] conseguiu o dinheiro para comprar a empresa [Rede Record]“, mas sugere o uso de verbas da igreja.  O texto afirma ainda que o bispo possui uma emissora de televisão nos EUA e que sua biografia “Nada a perder”, vem batendo recordes de venda desde que foi lançada.

+ Veja a entrevista de Silas Malafaia para o programa ''De Frente com Gabi''
Ao falar sobre o bispo, a edição desta semana da “Forbes” o classifica como: 
Um dos líderes religiosos mais ricos do mundo e um “proeminente magnata” de mídia. 
Estranhamente, neste novo ranking a quantia dos bens atribuída ao bispo Edir Macedo é maior que a divulgada pela mesma revista em janeiro. Na primeira, a estimativa era que ele possuía R$ 1,9 bilhão, agora, nessa nova lista,  seria de R$ 2,2 bilhões, um aumento considerável em tão pouco tempo. Com informações de Bol.
Heverton de Oliveira para o Ligado no Gospel.