Ficar preocupado com o relacionamento prejudica o sistema imunológico

Ficar preocupado com o relacionamento prejudica o sistema imunológico Um novo estudo que ainda será publicado na edição impressa do perió...

Um novo estudo que ainda será publicado na edição impressa do periódico Psychological Science, nos E.U.A, aponta que ficar ansioso e preocupado com o relacionamento amoroso pode funcionar como um fator desencadeador do estresse crônico, o que pode comprometer o sistema imunológico.



85 casais saudáveis que estavam juntos por, pelo menos, 12 anos entre uma m´dia de idade de 39 anos foram rigorosamente acompanhados. Todos relataram os níveis de estresse em que se encontravam e responderam perguntas sobre o casamento e a qualidade do sono. Casais que estavam esperando um bebê, que exageravam na ingestão de álcool ou café ou ainda que apresentavam algum problema de saúde foram excluídos da pesquisa.


Segundo o autor do estudo, a sensação de insegurança no relacionamento aumenta a produção de hormônios relacionados ao estresse, o que afeta a imunidade. Assim, aqueles que se mostraram mais ansiosos apresentaram maiores taxas do hormônio cortisol e menores níveis de linfócitos T, células fundamentais no combate a infecções em nosso organismo.

Embora seja natural e compreensível sofrer de ansiedade uma  vez ou outra, é importante lembrar que passar grande parte do tempo submetido a esse sentimento é altamente prejudicial. Para amenizar o sintoma, vale apostar na prática regular de exercícios, na terapia e até em uma dieta reforçada para tranquilizar essas preocupações.

Não vos inquieteis, pois, pelo dia amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal... Mateus 6:34
Melhor  é entregarmos nossas aflições e nosso negativismo a Deus que sabe e conhece cada um de nós, do que viver com desconfiança e insegurança, prejudicando nossa saúde. Vamos entregar nosso futuro a Deus e Ele cuidará de tudo!   


Com informações de Uol