Criando filhos em uma cultura pornificada

O Ligado no Gospel Apresenta a todos os leitores de nosso site, um artigo recente no  The Telegr...


O Ligado no Gospel Apresenta a todos os leitores de nosso site, um artigo recente no The Telegraph destaca os sintomas trágicos de uma doença que está afetando nossa cultura em todo o mundo. O artigo foca principalmente nos adolescentes e na disfunção que se tornou normativa em seus estilos de vida como resultado do consumo de pornografia.
À luz disso, como os pais podem criar filhos numa cultura “pornificada”? Aqui estão oito sugestões para esse problema cada vez maior.

Criando filhos em uma cultura pornificada

1. Busquem dar aos nossos filhos uma visão grandiosa do Deus que é gloriosamente prazeroso.

Não podemos simplesmente dizer aos nossos filhos que parem de ter certos comportamentos; devemos também ensiná-los a se deleitar no que Deus fez. Tenho buscado uma disciplina de destacar tudo que há de bom na criação de Deus. Há algumas semanas, foi uma benção ver meus dois filhos mais velhos passarem horas catando as framboesas que crescem no enorme quintal dos seus avós. Eles precisam ser lembrados da bondade de Deus em nos dar essas maravilhosas bençãos criadas, como framboesas. Se não formos cuidadosos, podemos virar gnósticos funcionais (carne e matéria são ruins; somente o que é “espiritual” tem valor) na nossa comunicação sobre ética sexual com nossos filhos. Um versículo útil para eles memorizarem é 1 Timóteo 4.4: “Porque toda a criatura de Deus é boa, e não há nada que rejeitar, sendo recebido com ações de graças”.
Em resumo, quero que meus filhos saibam que perversão sexual é o auge da idolatria (Rm 1), assim como que a integridade sexual é o auge da beleza. Isso exige que falemos sobre isso, provavelmente mais do que estamos confortáveis ou que experimentamos quando éramos crianças. Mas esse é um mundo novo, e um mundo novo exige nova comunicação para treinar nossas crianças.

2. Ensine-os o evangelho. Nossos filhos são legalistas naturais.

Eles tem que nos ver como exemplos do verdadeiro evangelho através de arrependimento e perdão ativos. Eles precisam saber que a aceitação deles perante Deus não é baseada em seu desempenho, mas no de Cristo. Eles precisam saber que a posição deles como um membro da família não depende da obediência deles, embora a posição deles implica sim em um certo tipo de vida.
Por exemplo, quando estamos disciplinando nossos filhos geralmente dizemos: “Pelo fato de você ser um membro dessa família e porque eu te amo muito, você não vai fazer isso”. Considere a diferença de dizer: “Se você quer que eu te ame e se você quer continuar vivendo nessa casa, é melhor você parar de fazer isso”. Os indicativos da nossa fé devem preceder e informar os imperativos. Não inverta a ordem.

3. Ensine-os que limites trazem liberdade e que a obediência é uma benção.

Quando era uma criança, pensava que se eu estragasse tudo, Deus ia me bater com um vara grande. Ninguém nunca me ensinou isso, mas era o que eu sentia. Obediência não era motivada por amor, mas pela punição. Isso não me levou muito longe.
Quando meus filhos tiverem uma idade apropriada, pretendo ensinar que o pecado sexual nunca vai prover a liberdade que desejamos. Eles podem optar por colher as consequências danosas da desobediência, mas vou alertá-los através da Bíblia e da experiência que eles não querem começar esse caminho. Obediência leva a bênção.

4. Fale com eles mais cedo do que tarde sobre sexo e pornografia na internet.

Quando tinha 8 anos, lembro de ir ao lado da garagem do nosso vizinho. Como toda criança curiosa, gostava de bisbilhotar um pouco. Logo descobri que ele tinha caixas cheias de revistas pornográficas. Algumas vezes, um amigo e eu esgueirávamos por lá, pegávamos umas, e sentávamos nos arbustos para para ver as mulheres peladas. Na época, esse esforço arriscado enchia meu estômago com borboletas de medo de ser pego pelos meus pais ou pelo vizinho. Mas tudo o que você precisa hoje é uma porta fechada e uma conexão à internet. A mais vil perversão imaginável está somente a dois cliques de distância.
Precisamos comunicar, em termos gerais, o que está disponível e porque é tão destrutivo. Alguns iriam alegar que essa discussão vai apenas incitar sua curiosidade, mas qual é a alternativa? Prefiro que eles sejam advertidos por mim para que eu possa oferecer razões e meios para lutar do que tê-los inocentemente tropeçando em pornografia algum dia na internet.

5. Comece a treinar seus filhos sobre como interagir com o sexo oposto.

Nós já começamos a “ter encontros” com nossos filhos. Sentimos que é fundamental para eles, em uma idade precoce, começarem a experimentar como é ser bem tratado por alguém do sexo oposto. Especialmente para as meninas, uma falta de atenção masculina saudável por parte do pai geralmente vai estimulá-las a buscar isso; porém, de maneiras não saudáveis, com rapazes mais do que felizes em fornecer atenção. Meus filhos precisam aprender que mulheres não são objetos a serem consumidos, mas são imagem e semelhança de Deus, criadas para serem amadas.

6. Cuidado com quem seus filhos passam tempo.

Visto que a exposição sexual é muito mais acessível hoje do que 25 anos atrás, somos muito mais atentos com quem nossos filhos passam tempo. Vai haver uma época (mais cedo do que eu gostaria de pensar) quando não vamos ser capazes de guardá-los com tanta força, mas, esperançosamente, os pontos anteriores estarão tão enraizados em suas vidas que eles estarão equipados para tomar decisões sábias.
Tome cuidado, porém, para não levar isso muito longe e transmitir um medo problemático de incrédulos. Quanto mais velhos nossos filhos se tornarem, mais teremos que deixá-los ir e orar para que nosso treinamento tenha criado raízes. Realmente, não há outra escolha. Devemos treinar nossos filhos, assim eles estarão protegidos o suficiente para estarem seguros em uma idade apropriada, porém informados o suficiente para tomar decisões sábias por conta própria. Simplesmente não esconda seus filhos atrás da fortaleza de sua supervisão até que tenham 18.
Isso exige grande sabedoria. Não há manual. Devemos ser pais de oração.

7. Cuidado com o computador e desligue a televisão.

Temos o Covenant Eyes (N. T.: site especializado em monitorar como a Internet é usada e assim enviar um relatório dos sites entrados para os pais, além de filtrar e bloquear certos sites) em todos os nossos computadores, via AppleOS. Nossos filhos podem apenas acessar sites que aprovamos. Certamente, isso vai mudar quando eles ficarem mais velhos, mas, esperançosamente, eles vão ter internalizado o evangelho e provado as bençãos da obediência.
Vitória sobre a pornografia é, no fim das contas, uma questão do coração, mas isso não significa que devemos abrir mão de estruturas preventivas. Você nunca deve dizer, “Quero saber se minha obediência é motivada por mais do que apenas seguir as regras certas, então vou mergulhar em situações imprudentes para ver se sou forte o suficiente para suportar o pecado!”. Isso é absurdo (1 Cor 10.12-13). Precisamos de corações corretos para não sermos legalistas, mas limites corretos podem nos ajudar a provar a bênção da obediência.
A TV vai mostrar aos seus filhos pornografia leve e funcional o tempo todo. Existem incontáveis coisas melhores para fazer com seus filhos do que assistir TV. Leia com eles, pratique esportes com eles, desfrute da criação com eles, conte a eles uma história, ou apenas os sirva em uma atividade à escolha deles. A frase-chave aqui é com eles. Se eles gastam mais tempo com a TV do que com você, todos vocês estão em apuros.

8. Busque cultivar uma relação com seus filhos de forma que eles sintam que podem se abrir com você sobre qualquer coisa.

Como um pai jovem, não estou totalmente certo sobre como fazer isso acontecer, mas sei que acontecerá se eu servir de modelo de franqueza. Tento atrair seus corações e mostrar que, se eles forem honestos comigo, eu serei justo, amoroso e compassivo. Se eles me veem como cauteloso e reservado, por que esperaria que eles fossem diferentes?
Por último, você já se arrependeu na frente dos seus filhos? Se eles nunca te viram se arrepender, o que te faz pensar que eles virão a você para pedir ajuda depois de ver pornografia na internet pela primeira vez? Servir de modelo de arrependimento para nossos filhos é provavelmente a maneira mais rápida de mostrar que acreditamos no evangelho e que somos um refúgio seguro em meio ao pecado deles.

Por Zach Nielsen. Copyright © 2013 Zach Nielsen. Usado com permissão pelo The Gospel Coalition, Inc. Copyright © 2013. Todos os direitos reservados. Original: Raising Kids in a Pornified CultureTradução: Pedro Vilela. Website: iPródigo.com. Original: Criando filhos em uma cultura pornificada





COMENTÁRIOS

BLOGGER
Nome

1 Girl Nation agenda Alex e Alex aline barros Ana Nóbrega ana paula valadão anderson freire André e Felipe andré valadão Angola Anthony Evans Arianne artigos e estudos artistas Bekah Costa Bethel Music Bianca Toledo billboard Brandon Heath brasil news brenda Breno Tonon Britt Nicole Bruna Karla Building 429 canais cantor cristão Carrie Underwood Casey J cassiane Casting Crowns Chris Durán Chris Tomlin clipes Colton Dixon comédia Coral Kemuel Coral Resgate covers CPAD Crystal Lewis damares Dan Bremnes Daniela Araújo Danny Gokey Darlene Zschech Davi Sacer David Quinlan deitrick Haddon Delino Marçal destaques diante do trono dinheiro discopraise DJ MP7 DJ PV dn1 DNA LIVE downloads edificações Eduardo Schenatto Elaine Martins eletrônica Eli Soares em alta entrevistas esporte Evan Craft extras Eyshila famosos fashion fernanda brum Fernandinho FIC 2013 Filipe Lancaster Francesca Battistelli Gabriela Rocha Gallery Gisele Nascimento globo GOSPELFAIR Group 1 Crew Gui Rebustini guilherme ribeiro Hadassah Perez Heloisa Rosa Hillsong Hillsong United Hillsong Young & Free história hot INTERNACIONAL isadora pompeo Jamie Grace Jeremy Camp Jesus Culture Jimmy Needham Jonas Vilar Jotta A JOVENS Juninho Black Kari Jobe Katy Perry Kemuel Kirk Franklin Kleber Lucas lançamentos Laura Souguellis Lázaro Leandro Marques Lecrae Léo Brandão Leonardo Gonçalves letras Lex LIVROS looks mais tocadas Marcela Taís Marco Feliciano Mariah Gomes Mariana Ava Marsena Matheus Lazaretti MATHEUS MIRANDA Michael W. Smith michelle nascimento Michelle Williams mix mk music moda e estilo moda masculina Moriah Peters MUNDO MÚSICA músicas novas NEEDTOBREATHE netflix news Newsboys Nichole Nordeman Nívea Soares Nostalgia NOTÍCIAS NOVIDADES Oficina G3 Os Arrais Os Dez Mandamentos ouvir Pamela Para Curtir PARÁBOLAS Passion PC Baruk Pedras Vivas PENTECOSTAL Perlla PG Phil Wickham playlists POLÍTICA POP Pr Lucinho Pregador Luo Preto no Branco Priscilla Alcantara Rafaela Pinho Rayssa e Ravel recomendamos Record reggae Regis Danese religião dos famosos Renascer Praise RESENHAS DE CD'S rock Royal Tailor Samuel Mariano SAÚDE shirley kaiser Silas Malafaia Skillet Som Livre sony music Soraya Moraes Ta na Bíblia Tasha Cobbs tech TECHMAIS Testemunhos Thalles Roberto Tiago Mattos TobyMac Ton Carfi Tonzão TOP Cristão top semanal top10 Travis Greene Trazendo a arca trending Tricia Brock Troféu Promessas TV e Cinema TWICE V. Rose versões VÍDEOS Vitor Kivitz Voz da Verdade x-trend youtubers
false
ltr
item
Ligado no Gospel - notícias gospel, música, entretenimento e mais: Criando filhos em uma cultura pornificada
Criando filhos em uma cultura pornificada
http://3.bp.blogspot.com/-Rfzp5TBeaMM/UTiloCVREAI/AAAAAAAADpY/cZ4gMC0iCQs/s320/imagem_secure_internet_day01_small.jpg
http://3.bp.blogspot.com/-Rfzp5TBeaMM/UTiloCVREAI/AAAAAAAADpY/cZ4gMC0iCQs/s72-c/imagem_secure_internet_day01_small.jpg
Ligado no Gospel - notícias gospel, música, entretenimento e mais
http://www.ligadonogospel.com/2013/03/criando-filhos-em-uma-cultura.html
http://www.ligadonogospel.com/
http://www.ligadonogospel.com/
http://www.ligadonogospel.com/2013/03/criando-filhos-em-uma-cultura.html
true
4004564134977374432
UTF-8
Nenhum post encontrado Veja mais... Ver Tudo Reply Cancel reply Delete By Home PÁGINAS POSTS Veja mais... RECOMENDADOS PARA VC! DESTAQUES EM ARQUIVO PROCURAR TODOS OS POSTS Nada encontrado! VOLTAR PRA HOME Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora mesmo 1 minute atrás $$1$$ minutos atrás 1 hora atrás $$1$$ horas atrás Ontem $$1$$ dias atrás $$1$$ semanas atrás mais de 5 meses atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar todo o Código Selecionar tudo copiado para sua área de transferência Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy